sexta-feira, 25 de abril de 2008

um travar de língua
e mais uma vez me quedo na tentativa repetida de me
traduzir.

sublinho:
urgente inventar um idioma que diga das palavras engasgadas.
daquelas que se traduzem no acontecer.


(Foto: Bognár Tamás)

10 comentários:

Vanessa disse...

hummmm...

cheira-me que teremos de inventar esse idioma rapidamente antes que as traduções fujam no esquecimento!! mas eu tenho cá para mim que as melhores palavras por dizer não se traduzem. guardam-se cá dentro. e depois alguém que nos perceba assim: engasgadas. vai na volta elas saltam cá para fora sem contar! é o tal acontecer... :)

beijinho grande*

Filipa Epifânio disse...

Que linhas mais lindas!
E é tão bom quando encontramos uma alma que nos entenda, que não precisa de tradução, que nos lê nas entrelinhas, até as engasgadas...

*

JohnnyBoy disse...

Coisa mai linda vir ao teu estaminé e ler estas coisas! Até se me arrepiam os pêlos da nuca! No entanto uma perguntinha: para quê mais um idioma se elas se traduzem no acontecer?
Beijoca!

Queen Frog disse...

vanessa,

"é o tal acontecer" :)


filipa,

:) traduzir de nós em outro alguém.


johnny,

q bom sentir a tua presença.tenho pensado tt em ti!

n mais um idioma. um idioma q aconteça!

Saudade.

Ana disse...

já perdi a conta das vezes que voltei aqui para ler estas palavras. tão cheias de tanto... *
[gostei especialmente de voltar a encontrar uma palvra: "quedo". já não a ouvia há muito... fez-me recordar a voz da minha avó: "estejam quedos" :)]

alice disse...

esse é um idioma em que eu não sei escrever... mas uso este para te agradecer o comentário muito bonito que fizeste. um beijinho *

Anónimo disse...

sorriso, lágrima, abraço, beijo, desilusão, paixão, calor, desejo, estranho, palpitar, gelar, temer, sentir..., ..., ... pra quê traduzir tudo (!?), e a magia única de só tu perceberes o q sentes, o q é teu, aí bem dentro?? pq tudo tem de ter correspondêcia verbal?? e dps o q é tão único, tão teu, tão intraduzível, é ao mesmo tempo tão universal! não traduzas... fá-las acontecer! (J)

Queen Frog disse...

ana,

:) brigada por me contares esse bocadinho teu. tão bonita essa expressão da tua avó!


alice,

queria mto sinceramente conseguir estar no lançamento. mas farei c q o livro me chegue às mãos, e autografado (sim, vou mandar o email) :)


anónimo (J),

q me deixas tão intrigada!!!

é essa a tradução q procuro...o acontecer! de todas essas palavras q tão acertamente escreveste.

Se calhar n me és assim tão anónimo ;)

Andreia Ferreira disse...

Em total total sintonia!

(Como andas menina nessas novas paragens? Como anda essa cidade linda? ;) )

Beijinhos!

Queen Frog disse...

andreia,

:)

(Bem. Tranquila:))

Beijinhos